Minha conta Sair
Disney Parques Disney Baby Aniversário Mágico Filmes

Conheça os projetos beneficiados pelo Fundo de Conservação da Disney

Na comemoração do Dia Mundial do Meio Ambiente, a The Walt Disney Company Latin America revela os nomes das organizações sem fins lucrativos da América Latina, beneficiadas pelo Fundo de Conservação da Disney (Disney Conservation Fund), por meio do seu programa de vagas de 2016-2017. O mesmo faz parte da iniciativa filantrópica denominada Reverse the Decline, Increase the Time, que visa à preservação de espécies e colabora para que as crianças desenvolvam valores de preservação da natureza ao longo de suas vidas. Durante 2016-2017 foram investidos nessa iniciativa U$ 800.000 dólares na região e quase U$ 10 milhões de dólares desde 1995, data de criação do Fundo.

 

Como parte da Reverse the Decline, a Disney contribui, com fundos e conhecimento, para a proteção de 10 espécies animais em risco de extinção (elefantes, borboletas, recifes de corais, macacos-titis, macacos, tartarugas marinhas, tubarões e raias, grous, rinocerontes e tigres), ao mesmo tempo em que faz mais de 100 doações para a preservação estratégica, com o propósito de apoiar a proteção mundial da vida silvestre e seus ecossistemas. Das 192 organizações de preservação ambiental em destaque e selecionadas pelo mundo, 37 são latino-americanas.

Algumas das organizações escolhidas foram:

  • Proyecto Jaguar del Norte – Trabalho com produtores do campo e comunidades locais que circundam a Reserva do Jaguar do Norte, no México, para minimizar os conflitos entre os humanos e a vida silvestre, reduzir a mortalidade dos jaguares e restaurar seu hábitat natural. Formação de alianças de preservação para promover a consciência ambiental, com o intuito de vincular jovens e adultos à natureza e permitir a convivência com felinos de grande porte.
  • The Nature Conservancy – Define um campo modelo na Patagônia para ensinar e criar métodos de produção sustentável e de preservação para os produtores bovinos, com o objetivo de proteger as pradarias e estepes, e recuperar estimular a resiliência ecológica. Protege a vida silvestre local, incluindo o Tuco-tuco, uma espécie de roedor em risco de extinção que apenas existe na Argentina.
  • Giant Armadillo Conservation Program –Estuda o comportamento do ameaçado Tatu Gigante no Brasil com base na biologia e na ecologia, por meio do acompanhamento, monitoramento com câmeras e da informação e observação direta. Incentiva a preservação do habitat e da biodiversidade através da educação ambiental e de campanhas na mídia.

Todos os projetos são publicados no seguinte link: https://ditm-twdc-us.storage.googleapis.com/2016-DCF-Funded-Projects.pdf

 

 

“Agradecemos por poder oferecer o nosso apoio a algumas das mais importantes organizações de preservação ambiental mundial para proteger espécies e ecossistemas em risco de extinção, além de ajudar a reverter a destruição da vida silvestre”, disse Kevin Callahan, Vice-presidente da Corporate Citizenship, da The Walt Disney Company. “Sabemos que a natureza tem um papel valioso na felicidade e bem-estar das crianças. E este apoio é importante para dar continuidade ao nosso compromisso em ajudar a incentivar as pessoas do mundo todo a viverem a magia da natureza”.

 

No propósito da Increase the Time, destaca-se a colaboração entre a Disney e o The Jane Goodall Institute: Roots & Shoots, em que foram oferecidos safáris urbanos às crianças na Argentina e no Chile, para que explorassem desde parques ou praças até santuários da vida silvestre na região, por meio de atividades educativas e projetos ambientais e comunitários.

 

O Fundo De Conservação da Disney já investiu mundialmente, desde 1995, mais de U$ 65 milhões de dólares na reversão dos danos causados à vida silvestre e no aumento do tempo que as crianças passam em contato com a natureza. Do total investido, quase U$ 10 milhões de dólares foram destinados a programas na América Latina. Até o momento, essa colaboração:

  • Ajudou na preservação de mais de 400 espécies no mundo todo.
  • Financiou a proteção de 371.404,3 Km² de habitat.
  • Ofereceu a milhões de crianças a possibilidade de experimentar o contato com a natureza.

Na América Latina, o Fundo de Conservação da Disney também colabora, entre outros, com o Proyecto Tití na Colômbia, Save the Golden Lion Tamarins, no Brasil (ambos dedicados à preservação dos saguis-cabeça-de-algodão da região), além do Proyecto Vaquita no México (focado na salvação desses poucos mamíferos marinhos que ainda vivem em nossos mares).

 

É nossa obrigação cuidar do nosso planeta, e há muitas maneiras de fazer isso! Proteger os animais, economizar água e separar o lixo corretamente são algumas das sugestões que fazemos. E você? Como vai ajudar?

 

Comentários